A Fenasps é contrária à reabertura das agências das agências do INSS e unidades da Secretaria do Trabalho (ex-Ministério do Trabalho) em 3 de agosto devido ao alto risco de contágio durante a pandemia de Covid-19. O governo tem mecanismos para concessão automática de benefícios sem expor servidores(as) e segurados(as) do INSS.

Vale ressaltar que a categoria aprovou em Plenária Nacional (virtual), realizada em 5 de julho, o indicativo de greve sanitária pelo direito à vida e por sobrevivência, não retornando ao trabalho presencial enquanto durar a emergência sanitária provocada pela pandemia.

Para Fenasps, abrir o INSS durante pandemia é ‘tragédia anunciada’

Em nova exposição de motivos, encaminhada via ofícios protocolados no INSS e no Ministério da Economia, a Fenasps mais uma vez solicitou ao governo que seja prorrogado o período de isolamento social mantendo fechadas as unidades de trabalho com a permanência dos(as) servidores(as) em trabalho remoto pelo período em que as autoridades de saúde julgarem necessárias para preservar a vida da população e dos(as) servidores(as).

Fonte: Fenasps

Comments fornecido por CComment