No mês de julho, a Justiça do Trabalho liberou recursos para o pagamento das chamadas Requisições de Pequeno Valor (RPV), de até 60 salários mínimos aos servidores do Ministério da Saúde, referente ao PCCS. Os demais valores, acima de 60 salários mínimos, serão pagos através de precatórios judiciais ainda em 2014.

Essa execução incluiu 3.147 servidores, mas ainda não contemplou uma parcela de servidores redistribuídos para outros órgãos e outros estados. O Departamento Jurídico do Sindprevs/SC já apresentou os cálculos desses redistribuídos e aguarda a execução judicial dos valores.

Esse processo foi ajuizado em 1990, são mais de 24 anos de tramitação na justiça e muita luta dos servidores para chegar a esse pagamento de 2014. A direção do Sindprevs/SC avalia que os servidores estão colhendo os frutos merecidos de um conjunto de esforços e mobilizações, no entanto, mais empenho ainda será necessário para que sejam reconhecidos judicialmente os direitos do conjunto dos trabalhadores incluídos pelo Sindicato.