0
0
0
s2smodern

Os ataques a direitos sociais passam pelo sucateamento e privatização dos serviços públicos, como aqueles prestados pela Previdência Social e pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Os trabalhadores do serviço público estão cada vez mais expostos a terríveis rotinas de trabalho, sobrecarregados pela falta de servidores e pelo assédio. É por isso que o conjunto dos Servidores Públicos Federais (SPFs) se organizam para mais uma jornada em Defesa do Serviço Público, no próximo dia 07 de junho (quinta-feira).

O Dia Nacional de Mobilização será marcado por atividades em Brasília/DF. Pela manhã, haverá um ato no Ministério do Planejamento e a tarde o Lançamento da campanha pela Revogação da EC 95/16, que determina o congelamento de gastos públicos em áreas essências como saúde e educação, e em defesa da soberania nacional, contra a privatização da Eletrobrás, da Petrobrás e da Embraer.

A Plenária Nacional da Fenasps, que aconteceu em 20 de maio, aprovou participação nas atividades dos SPFs em defesa do INSS, da Saúde, da Previdência Social e da Anvisa.  Seguindo o encaminhamento da Plenária, o Sindprevs/SC orienta os servidores a usarem camisetas de luta neste 07 de junho e a entregarem a carta à população (disponível aqui).

Nenhum Direito a Menos!

Fonte: Com informações da Fenasps