Em virtude dos desdobramentos referentes à instalação do Covid-19 no Brasil, como o decreto de situação de emergência emitido pelo Governo Estadual ontem (17), restringindo ainda mais o convívio social no próximo período, a Diretoria do Sindprevs/SC definiu pelo fechamento da sua sede por sete dias.

A situação será reavaliada pelos dirigentes sindicais na próxima terça-feira, 24 de março. Até esta data, as atividades serão realizadas de forma remota, apenas para questões emergenciais. 

Neste momento, é fundamental evitar a circulação de pessoas e garantir o isolamento possível, em cumprimento às recomendações de órgãos de saúde  para que o Coronavirus não se propague de forma vertiginosa. A medida se faz necessária neste momento, para evitar também que o Sindprevs/SC tenha que permanecer fechado por mais tempo, diante do adoecimento de diretores, funcionários e seus familiares.

O Sindprevs/SC segue pressionando as administrações para que tomem as medidas necessárias para resguardar a saúde dos servidores da Anvisa, do INSS, do Ministério da Saúde e da Receita Federal do Brasil, assim como de toda a população que busca atendimento nos órgãos do serviço público, como as Agências da Previdência Social.

A Diretoria do Sindprevs/SC e a equipe de funcionários se mantém à disposição de toda a categoria, seguindo as orientações de órgãos e instituições de saúde para que possamos voltar o mais breve possível à normalidade de nossas vidas. É importante que todos tenham consciência dos riscos e preservem não somente a sua própria saúde, mas se preocupem também com a saúde da coletividade.

Estamos trabalhando pela segurança da base de trabalhadores do Sindprevs/SC que estão à frente de órgãos governamentais de extrema importância para população brasileira, especialmente em momentos de crise como este que o país enfrenta.

Em caso de urgência, entre em contato pelo seguinte e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Comments fornecido por CComment